Fale Conosco : (45) 3025-1313

DEPOIS DO BRADESCO, BANCO DO BRASIL VAI ENTRAR NO MERCADO DAS MAQUININHAS COM A “BBZINHA”

11/05/2018

 

Máquina será lançada em parceria com a Cielo e a expectativa é alcançar a marca de 125 mil unidades até o fim do ano

Depois de o Bradesco ter anunciado o lançamento da “Bradesquinha”, agora é a vez do Banco do Brasil (BB) entrar no mercado das maquininhas. O banco anunciou nesta quinta-feira (10) que vai lançar a “BBzinha”, uma maquininha para captura de transações de cartões de crédito e débito que será feita em parceria com a credenciadora Cielo. A meta é vender, no mínimo, 125 mil maquininhas até o fim do ano.

O vice-presidente de negócios de varejo do BB, Marcelo Labuto, afirmou que o banco começou a estudar a entrada nesse segmento em janeiro deste ano. O objetivo é diversificar as fontes de receita do banco, capturando parte das taxas cobradas pelo uso da maquininha nos pagamentos. “Quando a gente trabalha com pessoa jurídica, é importante deter o fluxo de caixa das empresas dentro do banco, para que a gente consiga desenvolver melhores produtos, soluções de crédito e para que a gente possa atender melhor esses segmentos”, disse Labuto.

Num primeiro momento, correntistas do BB e donos de cartões emitidos pelo banco não receberão qualquer tipo de benefício ao usar a maquininha, explicou Labuto. Como comparação, o Santander Brasil dá mais pontos ao cliente que faz a transação via GetNet, aquirente que pertence ao banco. O Itaú Unibanco é dono da Rede.

A “BBzinha” será lançada em parceira com a credenciadora Cielo, empresa em que BB e Bradesco têm participação societária. “A Cielo está no jogo para ganhar. Estamos nos adaptando aos tempos modernos, mas estamos no jogo para ganhar”, afirmou o presidente do banco, Paulo Caffarelli, em coletiva de imprensa. “Nossos clientes poderão contratar as máquinas e já sair com elas das agências.”

“Bradesquinha”
No fim de abril, o Bradesco também anunciou a entrada no mercado das maquininhas em parceria com a Cielo. O banco lançou a “Bradesquinha”, uma maquininha para cartões de crédito e débito destinada, principalmente, aos pequenos varejistas que já são cliente do banco. Mais de 14 mil unidades já foram vendidas desde o início da operação, em março. O objetivo do Bradesco é vender e alugar 100 mil máquinas até o fim do ano.

Concorrência com PagSeguro
Os grandes bancos seguem os passos do PagSeguro, empresa do grupo UOL que revolucionou o mercado de maquininhas ao lançar a “Moderninha”, uma máquina de captura de transações de cartões de débito e crédito que, diferente das rivais tradicionais na época, não é alugada, mas sim comprada em definitivo por valores competitivos. Em janeiro deste ano, o PagSeguro abriu capital na bolsa de Nova York (Nyse) e levantou US$ 2,3 bilhões. (Fonte: Gazeta do Povo) Fonte: Site da FEEBPR




  Email

  secretaria@sindicatobancariosfoz.com.br

  Telefone

(45) 3025-1313

Nossa Localização

Av. Jorge Schimmelpheng, 600
Sala 205, Ed. Center Foz, Centro
CEP 85851-110 | Foz do Iguaçu | Paraná

FILIE-SE

Fortaleça seu sindicato!

Todos direitos reservados a Sindicato dos Bancarios Foz - Copy right 2017 | Developed